23 de maio de 2013

Coração desritmado


Caminhando em sua direção, sem olhar pra você,  senti seus olhos me mirarem e, ao te olhar, senti a timidez tomar conta dos seus atos.
Desviei-me de uma atitude precipitada, e sem perceber, caiu só você em meus planos.

Levei como uma paquera para casa e nada mais passou em minha cabeça.

Mas o telefone tocou e a voz de uma amiga tornou pensamentos em ações, os olhares viraram sorrisos, as atitudes precipitaram uma batida mais forte no meu peito, e caiu você em meus braços, seus beijos em meus lábios, seu sorriso na minha memória e a vontade de te ver e te ouvir virou romance.

Encantamento

Então me perguntaram quem era aquela moça, e eu, sem olhar para o questionador, respondi, hipnotizado, ainda não sei, mas ela vai fazer parte da minha vida como ninguém fez!

21 de maio de 2013

Paquera

Então, numa noite, atravessei uma porta, olhei e fui olhado, mandei mensagem e fui chamado, sorri e ela sorriu, um beijo caiu e um sorriso virou motivo de viver.
Tudo tão bem, tudo tão bom, e no dia seguinte a sensação de que não foi um sonho.
Quietinha e toda tímida, digo uma palavra e um olhar tímido mira o chão.
Sigo um traço, uma mão desliza em um rosto e um beijo singelo solta-se e duas pessoas se juntam em uma.
A sensação de um buraco sendo tapado em meu peito e um suspiro virou um sorriso simples e verdadeiro nos seus olhos.

E agora, um beijo de boa noite virou uma vontade de um beijo de bom dia!